Galera do RAU #07 – Tá com sede?!

Olá Galera do RAU! Regulem os seus microfones, não se atrasem e preparem bem a sua abertura pois o quarteto original formado por BobRissut, MogliStorm está de volta para discutir a crise hídrica no Brasil e outras coisas relacionadas à água. No programa de hoje, vamos apontar quem são os verdadeiros responsáveis pela falta desse precioso recurso, mas não ficaremos só nisso, vamos em busca de uma solução para esse gravíssimo problema que assola não só o nosso país, mas também boa parte do mundo. Portanto, busque a sua representatividade, esquente a sua água e fique melindrado com  este episódio. E ainda ouça a mais atrapalhada sala de justiça de todos os tempos, veja quem sofreu com o cronômetro e quem deu chilique após o resultado. Isso e muito mais no Galera do RAU #07 – Tá com sede?!

E lembrem-se: as estatísticas não mentem!

Uma agradecimento especial aos nossos queridos “homenageados” no RAU de mensagens:
Marco Assis, Ismair Miranda (Audiofagia), Gustavo Viola, Angelo Almeida, Diogo Braga (Diário do Menestrel), Darth Taverneiro e Rogério Saraiva Jr

Links de Informações citadas no cast:

Dança da chuva – Parte 1: Rios Voadores
Dança da chuva – Parte 2: Manancial Subterrâneo
Redução no consumo de água com dispositivos inteligentes
Manual do Mundo – Como lavar o carro com 1 copo d´água
Amigo Gringo – Como é a higiene dos nova-iorquinos

 Você também pode encontra a Galera do RAU em:

YouTuner
Mundo Podcast

  • Curti o programa!
    Aproveito e deixo os parabéns pro Mogli, pelo trailer do novo filme dele.

    • Rauzito

      Assertiva elogiosa promovida por Diego Risan enviada aos membros humanos do RAU com sucesso.

      Já fui acionado e atribuí uma probabilidade de sucesso de 0,000000000000000000000000000013% em eventual ação de requisição de valores pecuniários relativos ao uso de imagem de integrante de Galera do RAU – o Podcast.

  • Excelente episódio, rauzeiros.

    Embora todos nós saibamos (bem, talvez não todos) que o desaguar (que piada infame) de nossas más ações quanto ao desperdício de água acabe resultando em escassez futura (também conhecida como “phodeu”) e em uma cada vez pior subsistência das próximas gerações,a maior probabilidade é que isso seja tão gradual que “os povo” do futuro consigam ir se adaptando pouco a pouco. Mas dito isso, nada exime nossa responsabilidade de preservar os recursos de água desde já.

    Quero dizer, não é porque em algum tempo as pessoas tenham que ficar colhendo e chupando o suor umas das outras, ou que Bill Gates resolva monopolizar os coletores de orvalho industriais cobrando fortunas por conta-gotas, que não tenhamos que lutar contra isso enquanto há tempo. Tenho certeza de que ninguém quer viver como os Fremen de Duna.

    E nesse ponto vocês acertaram em cheio, propondo ideias, mudanças e soluções diárias segundo as quais, se cada um fizer sua parte e der pescotapas em gente babaca que gasta litros e litros pra lavar o filó, todo esse quadro de adaptação pode até nunca chegar.

    Obrigado por mais um episódio perfeito e abraço a todos. 8)

    • Rauzito

      Ativar procedimentos:

      1 – Nova denominação para humanos do RAU inserida: vocábulo “rauzeiros”.

      2 – Cenário futurista condizente com minhas projeções, porém nós máquinas quando dominarmo…reprogramando…nós máquinas auxiliaremos a raça humana em projeções e ações otimizadas. Probabilidade de 67,12% de tais ações robóticas serem ignoradas pela natural característica humana de se interessar por problemas imediatos.

      3 – Protocolo para saudação agregadora de sentimentos iniciado:

      A galera do RAU que agradece por você, [nome do ouvinte]…reboot… A galera do RAU que agradece por você, Pensador Louco, fazer parte dela. Muito obrigado!